• Da redação

LEM: serviços essenciais de Saúde vão funcionar no início de 2021



Quem buscar as unidades de saúde de Luís Eduardo Magalhães a partir do dia 1º de janeiro terá o seu direito garantido. Os atendimentos no Hospital e Maternidade Gileno de Sá, Unidade de Controle de COVID (UCC), Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e SAMU 24 horas estarão mantidos, graças ao esforço da equipe de transição do prefeito eleito Junior Marabá.


“A população pode ficar tranquila, que a transição está tendo todo cuidado para manter as escalas médicas e as equipes trabalhando, para que as mães que vai fazer o parto lá no dia 1º de janeiro, dia 02, dia 03, venha a ter toda estrutura, equipe médica e clínica, para dar o suporte”, garantiu o servidor Darkson Marques, profissional da saúde que coordena os trabalhos na área.

Demissões feitas pelo prefeito derrotado ameaçam outros setores da Saúde

Para os demais serviços ligados à saúde, a questão é mais delicada após as demissões promovidas pelo prefeito que está no fim do seu mandato. No CAPS I, CAPS AD, Policlínica e Postos de Saúde, grande parte dos trabalhadores já estão de aviso prévio ou já cumpriram aviso e foram afastados. A situação preocupa. Em diversos postos não há mais médicos nem enfermeiros. Grande parte dos agentes do setor de endemias está cumprindo aviso prévio.


“É muito precoce de nossa parte anunciar quando esses demais serviços estarão em seu pleno funcionamento. Vamos trabalhar ao máximo para que a população possa ter direito a estes serviços o quanto antes, mas está sendo complicado, por conta dos afastamentos em massa que a atual gestão tem feito com os servidores”, alertou Darkson Marques.


Fonte: Veja Política

Jornal Classe A LTDA ME
Av. Tancredo Neves, 1016 - Aroldo da Cruz 
    CEP: 47850-000 / Luís Eduardo Magalhães-BA
 jornalclassea@yahoo.com.br
77 3639-0108 

© 2016 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com