top of page
  • Foto do escritorDa redação

LEM: Aulas são suspensas no CEMO devido a falta de funcionários e preocupações com segurança

Nesta quinta-feira (25) e amanhã, sexta-feira (26), os estudantes do Colégio Estadual Mimoso do Oeste, localizado na rua Paraná, região central da cidade, e em seu anexo no bairro Mimoso I, em Luís Eduardo Magalhães, enfrentam a interrupção das aulas.

A suspensão ocorre devido à falta de vigilantes, merendeiras e profissionais da limpeza, componentes essenciais para o funcionamento adequado da instituição de ensino. Com mais de 1500 alunos matriculados, a ausência desses funcionários compromete a segurança e o bem-estar dos estudantes e funcionários.


Além disso, a preocupação dos professores aumentou após a entrada recente de uma mulher desconhecida no anexo da escola, aproveitando a ausência de um porteiro. Ao ser percebida, a mulher estava fotografando o ambiente interno sem autorização, levantando preocupações sobre a segurança dos alunos e do pessoal da escola.


O governo do estado enfrenta críticas pela falta de atenção à rede estadual de ensino e ao fornecimento insuficiente de agentes da Polícia Civil para o município. Essas questões têm impacto direto nas escolas locais, como evidenciado pela recente onda de paralisações.

A previsão é que as aulas retornem na próxima segunda-feira (28), desde que haja profissionais disponíveis para garantir o funcionamento seguro e eficaz da escola. Enquanto isso, os alunos continuam sendo prejudicados, e as preocupações com a segurança persistem.


Fonte:Reportagem de Weslei Santos/Blog do Sigi Vilares


コメント


bottom of page