• Bahia Notícias

Assaltante morto no oeste usava documento falsificado


O homem morto em confronto com Policiais Militares em Bom Jesus da Lapa (a 777 km de Salvador), durante tentativa de assalto aos bancos do Brasil e Bradesco, foi identificado nesta terça-feira, 24, como Marcelo Alves de França, de 38 anos.


Marcelo fazia parte do bando que atacou a cidade no final da noite de domingo, 22, e, no confronto com militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), e usava documento falso em nome de Tiago da Silva. Conforme nota da Secretaria de Segurança Pública, o assaltante era de Cabrobó (PE).


Uma força-tarefa foi montada para capturar a quadrilha que contou com mais de 20 criminosos espalhados em caminhonetes, atirando em transformadores e deixando o centro e diversos bairros sem energia.


O bando sequestrou e depois executou dois soldados da 38ª Companhia Independente da cidade. Os corpos foram encontrados na zona rural na madrugada de segunda, 23.


Honras militares


Ambos foram sepultados nesta terça com honras militares. O soldado Gilberto Lemos da Silva Junior, 28, teve o corpo enterrado no cemitério do Parque Verde, na zona urbana do município. O colega Everton Oliveira, 26, foi sepultado no povoado de Favelândia, a cerca de 70 km da sede.

Funerais tiveram honras militares


Jornal Classe A LTDA ME
Av. Tancredo Neves, 1016 - Aroldo da Cruz 
    CEP: 47850-000 / Luís Eduardo Magalhães-BA
 jornalclassea@yahoo.com.br
77 3639-0108 

© 2016 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com