Jovem brasileira desenvolve filme plástico com sobras de maracujá

December 6, 2018

 

Se te dissermos que é possível criar plástico com sobras de maracujá, você acreditaria? Pois foi justamente essa a descoberta de uma brasileira de apenas 18 anos!

 

Juliana Davoglio Estradioto faz um curso técnico de administração no Instituto Federal de Educação do Rio Grande do Sul (IFRS) e sua descoberta rendeu o primeiro lugar na 29ª edição do Prêmio Jovem Cientista, realizado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico (CNPQ).

 

A ideia de Juliana era encontrar uma alternativa para sacos plásticos e isopor utilizados como suporte de mudas de plantas. Os materiais, derivados do petróleo, demoram em média 400 anos para se decompor no meio ambiente.

 

O descarte dos restos de maracujá também foi outro ponto importante para a pesquisa da estudante. “Quando se realiza a produção industrial do suco de maracujá, geleias ou a polpa da fruta, a casca acaba sendo descartada e vai direto para terrenos baldios e aterros sanitários”, contou em entrevista ao UOL.

 

O projeto contou com a orientação da professora Flavia Santos Twardowski e durou quase um ano. “Se reaproveitado como suporte para plantas, explica Juliana, o material ainda tem a vantagem de “não exigir a retirada do plástico na hora da plantação, porque o material se decompõe rapidamente, cerca de 20 dias, sem prejudicar o meio ambiente”, continuou.

 

A estudante pretende cursar engenharia química para dar sequência em seus projetos. Entretanto, já sabe que deverá ter trabalho no futuro. “Infelizmente o governo investe pouco mais de 1% em ciência e pesquisa”, explicou.

 

“Estou finalizando o Ensino Médio e quero continuar na área da pesquisa que foi algo que transformou a minha vida. Sou apaixonada pela Ciência e pelo meio ambiente”, completou. Juliana ainda representará o Brasil no Seminário Internacional Jovem de Ciência em Estocolmo, na Suécia. Além disso, fará parte da Genius Olympiad nos Estados Unidos.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Parceiros

Jornal Classe A LTDA ME
Av. Tancredo Neves, 1016 - Aroldo da Cruz 
    CEP: 47850-000 / Luís Eduardo Magalhães-BA
 jornalclassea@yahoo.com.br
77 3639-0108 

© 2016 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com