Edições impressas
capa_496.jpg
Please reload

  • Facebook Basic Black
Siga Jornal Classe A

Campanha de doação de sangue Doar Faz Bem começa nesta terça-feira, em Luís Eduardo Magalhães

August 13, 2018

 

Para cada ato voluntário de doação de sangue até três vidas são salvas. Apesar da equação parecer simples, os desafios ainda são grandes, principalmente na sensibilização e fidelização de novos doadores, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS).

 

No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, 1,8% da população doa sangue com regularidade. O percentual ainda é baixo se comparado com índice ideal estimado pela própria OMS, de 3 a 5% da população, para suprir as necessidades de sangue e outros componentes sanguíneos de um país.

 

Para reverter essa estatística, as cooperativas agrícolas de Luís Eduardo Magalhães: Cooperfarms (Cooperativa do Produtores Rurais da Bahia), Unibahia (Sociedade Cooperativa Unibahia) e Cooproeste (Cooperativa Agropecuária do Oeste da Bahia) e a de crédito, Sicredi, assumiram esse compromisso regional. Com o apoio institucional da Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba), prefeitura municipal de Luís Eduardo Magalhães e Clínica São Camilo, o segmento cooperativista organiza nesta semana, nos dias 14 a 17 de agosto, a segunda edição da campanha de doação de sangue e cadastro de medula óssea Doar Faz Bem.

 

A iniciativa integra o programa nacional Dia C (Dia de Cooperar) -  uma agenda estratégica do cooperativismo brasileiro, com o objetivo de executar a responsabilidade social, colocando em prática os valores e os princípios cooperativistas por meio de ações voluntárias.

 

Segundo o presidente da Cooperfarms, Marcelo Kappes, desde 2016, as cooperativas brasileiras abraçam os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, reconhecidos pela Organização das Nações Unidas, para realizar ações de transformação social em todo o país. “Até 2030, esses objetivos devem ser implementados por todos os países do mundo e as cooperativas de Luís Eduardo Magalhães mais uma vez saíram na frente. Através desta campanha voluntária, reforçamos nosso compromisso por uma sociedade mais justa, equilibrada e com melhores oportunidades para todos, além de elevar o estoque de bolsas de sangue no oeste baiano” destacou Marcelo.

 

Em 2017, foram coletadas 265 bolsas de sangue e 75 novos doadores de medula óssea cadastrados. Neste ano, a comissão organizadora trabalha com a meta de 350 bolsas. Além da coleta de bolsas de sangue e o cadastro de medula óssea, serão oferecidos gratuitamente os serviços de aferição da pressão arterial e a tipagem sanguínea. A campanha acontecerá das 7h30min às 15h, junto ao LACEN (ao lado da Unidade de Pronto Atendimento- UPA) em Luís Eduardo Magalhães.

 

Serviço:

Campanha de Doação de Sangue e Cadastro de Medula Óssea Doar Faz Bem

Quando: 14 a 17 de agosto de 2018

Horário: 7h30min às 15h

Local: LACEN – Luís Eduardo Magalhães

Abertura Oficial: 14 de agosto, às 7h30min, no LACEN (pronunciamento de autoridades)

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Parceiros

Jornal Classe A LTDA ME
Av. Tancredo Neves, 1016 - Aroldo da Cruz 
    CEP: 47850-000 / Luís Eduardo Magalhães-BA
 jornalclassea@yahoo.com.br
77 3639-0108 

© 2016 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com