Déficit de servidores cria expectativa para abertura de concurso para INSS Solicitação de certame tramita no Ministério do Planejamento

July 12, 2018

 

O próximo edital do Instituto Nacional do Seguro Social (Edital INSS) pode contar com milhares de vagas para servidores públicos. Isso porque há uma forte reivindicação de setores ligados ao órgão e entidades de classe sobre o déficit de pessoal. De acordo com o próprio órgão, o déficit já chega a 16 mil servidores, o que aumenta a expectativa para a realização de novo concurso.

 

        Para resolver o problema o mais rápido possível, o INSS mandou solicitação de novo certame com caráter de urgência para o Ministério do Planejamento. O documento, ainda em tramitação, visa ao preenchimento de 10.468 vagas, sendo 7.888 para o concurso INSS 2018 e 2.580 para os excedentes do concurso do INSS 2015, válido até o dia 5 de agosto de 2018.

 

        A nota enviada para o Ministério do Planejamento destaca a atual situação do órgão, com a urgência de servidores para atender com qualidade a população. “Embora a pasta tenha autorizado a realização de concurso público nos anos de 2011, 2013 e 2015, para provimento nas carreiras do Seguro Social e na carreira de perito médico previdenciário, a recomposição do quadro de servidores do INSS não tem sido proporcional ao número de evasões.”

 

        As oportunidades para o novo concurso são de nível médio e superior. As vagas estão distribuídas da seguinte forma: 3.984 para técnico do seguro social (nível médio), 1.692 para analista em diversas especialidades (nível superior) e 2.212 para perito médico (nível superior). No caso dos excedentes, são 2.050 vagas para técnicos e 530 para analistas.

 

Mobilização

 

        No dia 23 de julho, a Federação Nacional de Sindicatos de Trabalhadores em Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social (Fenasps) divulgou uma nota para pressionar o atendimento das reivindicações dos servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

 

        A federação orientou as agências do INSS a aderir a uma mobilização em todo o país para pressionar o atendimento das demandas do órgão, no dia 7 de julho. “Não é mais possível os trabalhadores ficarem reféns de experiências excludentes e paliativas que não resolvem os problemas da carreira e do INSS”, informou a nota.

 

        Nos três primeiros meses do ano, mais de mil servidores se aposentaram no órgão, sendo o maior quantitativo do cargo de Técnico do Seguro Social. Foram 167 aposentadorias em janeiro, 489 em fevereiro e 345 em março. Desse total, 655 foram de técnicos que deixaram o INSS.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Parceiros

Jornal Classe A LTDA ME
Av. Tancredo Neves, 1016 - Aroldo da Cruz 
    CEP: 47850-000 / Luís Eduardo Magalhães-BA
 jornalclassea@yahoo.com.br
77 3639-0108 

© 2016 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com