Febre amarela: Brasil passa a 'exportar' casos da doença

March 3, 2018

 

A Sociedade Internacional de Medicina de Viagem informou que cinco turistas que estiveram no Brasil entre janeiro e fevereiro deste ano adoeceram de febre amarela. Dentre os casos, duas mortes foram confirmadas: a de um turista chileno de 36 anos, que morreu em hospital no Rio de Janeiro, e de um turista suíço de 44, que morreu na cidade de Zurique no último dia 28.

 

De acordo com o G1, ambos haviam se recusado a tomar a vacina. O primeiro caso confirmado da doença foi de um holandês de 46 anos que realizava um trabalho humanitário em São Paulo, mas foi liberado e passa bem.

 

Um outro caso foi da francesa Eric Caumes, de 42 anos que estava hospedada na cidade de Brumadinho, em Minas Gerais. O Ministério da Saúde revelou que não é exigido Certificado Internacional de Vacinas para quem entra no Brasil. Já a Organização Mundial da Saúde recomenda a vacinação para algumas regiões de transmissão no Brasil.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Parceiros

Jornal Classe A LTDA ME
Av. Tancredo Neves, 1016 - Aroldo da Cruz 
    CEP: 47850-000 / Luís Eduardo Magalhães-BA
 jornalclassea@yahoo.com.br
77 3639-0108 

© 2016 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com