• Fonte: O Expresso

Família de bancário é sequestrada em LEM e delegado esclarece motivação do crime


De acordo com o site OEXPRESSO, o delegado Leonardo de Almeida Mendes Júnior esclareceu a motivação do crime de sequestro da família do ex-gerente geral do Bradesco ocorrido na quinta-feira (12), em Luís Eduardo Magalhães.


O objetivo dos sequestradores era manter a família em cárcere privado, enquanto obtinham do bancário a possibilidade de acesso aos cofres da agência bancária. Na verdade, eles procuravam pelo gerente administrativo e não pelo gerente geral.

Após colocar a família no carro, os sequestradores queriam saber, da esposa, onde se encontrava o marido. Ela então contou que ele não trabalhava mais em Luís Eduardo Magalhães, pois fora transferido para uma agência na Chapada Diamantina. Ao perceberem que o plano falhou, os sequestradores abandonaram a família à beira da BR-242.


A esposa e filhos foram socorridos por um caminhoneiro, que os trouxe até o Posto Cerradão, quando a Polícia Civil foi avisada do fato.


Jornal Classe A LTDA ME
Av. Tancredo Neves, 1016 - Aroldo da Cruz 
    CEP: 47850-000 / Luís Eduardo Magalhães-BA
 jornalclassea@yahoo.com.br
77 3639-0108 

© 2016 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com