• Da redação

Pássaro raro aparece em oficina no Jardim das Acácias e supreende moradores


Um urutau, conhecido também como pássaro fantasma apareceu numa oficina mecânica no bairro Jardim das Acácias em Luís Eduardo Magalhães. A ave rara está em extinção e dificilmente é visto de dia, já que tem hábitos noturnos O animal silvestre ficou durante 15 dias na oficina, muitas vezes imóvel por horas. Mas durante a noite, segundo relatos da dona do local, ele se alimentava de milho armazenado em sacos no estabelecimento.

O pássaro só foi recolhido na segunda-feira (1) por biólogos da secretaria municipal do meio ambiente e solto na natureza.

MAIS INFORMAÇÕES De acordo com informações de especialistas o urutau é um pássaro que costuma usar da camuflagem para se defender dos predadores, então, ele usa a cor da pelagem e a posição para aparentar que é um prolongamento do galho ou da madeira, onde ele pousa. Além de ser raro, o pássaro tem um canto que impressiona. A bióloga Vilma Lúcia diz que o assobio dele explica porque a ave também é conhecida como mãe da lua. "Diz a lenda que uma mulher gostava muito de festas, então ela saiu de casa, deixou seu esposo doente e dançou a noite inteira. Quando ela retornou de manhã, ele tinha morrido. Então o cantar desta mulher arrependida, chorosa pela perda do marido e angustiada lembra o mesmo cantar do urutau, por isso ele também é chamado de mãe da lua". O pássaro-fantasma não constrói ninho e quando está no período de reprodução coloca apenas um ovo, um dos motivos pelo qual ele está em extinção.