• Por Fátima Vasconcelos Nunes

“A menina que descobriu a paz do por do sol” é lançado em Barreiras e doado para o natal de criança


Aconteceu ontem, 19, às 17h, no Palácio das Artes, na Praça das Corujas, em Barreiras, o lançamento do livro “A Menina que descobriu a paz do por do sol – Fábulas e tal”, de autoria de Bianca Vital de Vasconcelos Nunes, de sete anos. O livro restaura valores como família, união, companheirismo, altruísmo, bondade, desapego e simplicidade, e faz parte do projeto “De criança pra criança”. A proposta é criar uma familiaridade com o mundo da escrita e resgatar a capacidade de sonhar, trazendo a criança de volta para o mundo da criança e despertando, nela, o interesse pela leitura, além de incentivar a interpretação, a análise e a compreensão de histórias e narrativas e, por fim, inspirar outras crianças, e estimulá-las a que tenham contato com os livros.


A Fazenda Encantadora

A história se passa na fictícia Fazenda Encantadora, em algum lugar do Planeta, em meio à natureza e aos animais, que têm nome e convivem em harmonia com a Bianca e sua família. O conteúdo, cuja essência também alcança os adultos, é escrito numa linguagem descomplicada, na qual a autora mostra a beleza que existe por trás das coisas mais simples da vida. O livro consegue ir além da fábula, para também revelar CULTURA - a analogia feita com a obra de Saint-Exupéry; ARTE, como a do pintor russo impressionista Dima Dmitriev, famoso por retratar, nas telas, o universo infantil – os Ensaios contidos no livro mostram a pequena autora reproduzindo, por meio da própria expressão corporal, as telas do artista; e o LÚDICO, no qual destaca cantorias e brincadeiras, com desenhos feitos por ela para serem coloridos pelas crianças.


AGRADECIMENTOS

O livro será doado como presente de Natal a instituições e ONGs que trabalham com crianças carentes. Em Luís Eduardo Magalhães, agradecemos ao Jornal Classe A, que se encarregará de fazer a distribuição. Em Barreiras, nossos agradecimentos à Prefeitura Municipal, que, por meio da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte Lazer - nas pessoas de Emília Moreno, Diretora de Cultura, e Elba Lopes, responsável pela coordenação da Biblioteca Folk Rocha – nos cedeu as instalações do Palácio das Artes, para a realização do evento.


BOX

Os municípios de Luís Eduardo Magalhães e Barreiras, no Oeste da Bahia, e o entorno de Brasília, regiões próximas a grandes centros, tem experimentado um crescimento gradual devido ao avanço do agronegócio, com uma maior ocupação dos Cerrados goiano e baiano. Mesmo promissor, o cenário retrata um dos problemas mais graves que os países em desenvolvimento, como o Brasil, enfrentam, que é a desigualdade social: uma pequena parcela da população muito rica e a maioria pobre. O contraste afeta principalmente a Educação. A falta de investimentos públicos dificulta o acesso ao conhecimento, às atividades culturais e à leitura, essencial na vida da criança, no desenvolvimento emocional e na capacidade de expressar melhor suas ideias.


Jornal Classe A LTDA ME
Av. Tancredo Neves, 1016 - Aroldo da Cruz 
    CEP: 47850-000 / Luís Eduardo Magalhães-BA
 jornalclassea@yahoo.com.br
77 3639-0108 

© 2016 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com