• Da redação / Jornal Classe A

"Tratoraço" fecha BR 242 em Luís Eduardo Magalhães


Os agricultores e empresários do setor agrícola fecharam a BR 242 na saída de Luís Eduardo Magalhães para Barreiras na manhã desta terça-feira (15) para protestar contra a cobrança do Funrural, Fundo de Assistência e Previdência do trabalhador rural.


Os manifestantes usaram pneus e máquinas agrícolas para bloquear o trânsito. Caminhões e carretas foram impedidos de passar. O trânsito ficou parado por uma hora, onde houve um ato cívico com hino nacional e a presença do Padre Uilson da Paróquia Santa Rita de Cássia. Logo depois o trânsito foi liberado antes da chegada da PRF.


FUNRURAL


O imposto está suspenso desde 2011 por uma liminar do Superior tribunal federal, mas pode voltar a ser cobrado caso o senado aprove a Medida Provisória proposta pelo governo federal. O imposto taxa o produtor em 2,1% da produção bruta. Os agricultores reivindicam que é imposto seja cobrado de outra maneira, como por exemplo sobre a folha de pagamento como é feito na indústria e no comércio.


A MP está na Comissão de Constituição e Justiça do senado e tem previsão para ser votada amanhã (16).