• Da Redação / Classe A

Novo lote de vacinas chegou nesta segunda em LEM, mas é insuficiente, diz prefeitura


A secretaria de saúde de LEM recebeu nessa segunda-feira (24) um novo lote da vacina pentavalente, que estava em falta desde o mês de maio na rede pública de saúde. Segundo informações da coordenação de imunização o número é insuficiente para atender a atual demanda do município já que apenas 150 doses chegaram. Em condições normais o município recebia 500 doses por mês.

A pentavalente é uma união da vacina tetravalente com a vacina hepatite b, ou seja, a partir de agora ao invés de duas aplicações será necessário apenas uma injeção para que se imunize a criança contra as cinco doenças cobertas pela vacina. Com a vacina pentavalente, a criança será imunizada contras as seguintes doenças: difteria, tétano, coqueluche, meningite e outras infecções causadas pelo haemophilus influenza e tipo b e a hepatite b.


De acordo com a secretaria de saúde de LEM o desabastecimento da vacina é nacional, em função de um problema na conservação das temperaturas da vacina, o que fez a Anvisa proibir a distribuição de 6 mil doses para todo o país

#saúde #lem #pentavalente #falta #vacina #barreiras #notícia #luísEduardoMagalhães #bahia #oeste