• Dircom/PMB

Barreiras: Páscoa no Parque é lançado com a proposta de agregar lazer, negócios e incentivo ao consu


O prefeito Zito Barbosa, juntamente com a vice, Karlúcia Macêdo e o secretário de Agricultura, José Marques, lançou, nesta quarta-feira, 29, o projeto Páscoa no Parque, evento que será realizado de 11 a 16 de abril no Parque de Exposições com a proposta de integrar em um mesmo espaço, lazer, entretenimento, negócios, comercialização de pescados e produtos alusivos à data.


“Entendemos que precisávamos potencializar a comercialização do pescado, o Páscoa no Parque tem como foco principal a cadeia produtiva do pescado, porém, expandimos a ideia, com um formato que agrega mais ao evento e que promove o aquecimento do comércio em geral durante o período da Páscoa”, disse o prefeito.



Composto por quatro vilas, o festival promete levar famílias inteiras ao parque, com opções para todas as faixas etárias. Na Vila dos Sabores, uma praça de alimentação composta por restaurantes e lanchonetes oferecerá cardápios à base de pescado e frutos do mar, além das barracas de guloseimas. A Vila da Páscoa será um espaço lúdico com a Casa do Coelho e com foco no entretenimento infantil, incluindo decoração com arcos iluminados, cenários de páscoa, coelhos, ovos e flores gigantes.


Na Vila do Peixe será possível participar de palestras e capacitações sobre criação de pescado, cadeia produtiva e piscicultura em geral, além disso, o público poderá adquirir peixes frescos, principal ingrediente da Semana Santa. Já na Vila dos Parceiros instituições como Codevasf, CAR, Sindicato dos Produtores Rurais, Senar, Coopeixe, Bahia Pesca, Sebrae, Disb entre outros, estarão oferecendo orientações aos criadores de pescado, com modelos de projetos e programas voltados para a implantação da piscicultura.


Inscrições abertas - Os interessados em expor e comercializar produtos e pescado durante o Páscoa no Parque poderão fazer as inscrições a partir de sexta-feira, 31, no Palácio das Artes. Serão disponibilizadas barracas para os segmentos de peixes e frutos do mar; restaurantes com culinária voltada para o pescado; ovos de páscoa caseiros, chocolates artesanais e produtos de Páscoa.


Para inscrição serão necessários RG, CPF, Comprovante de Residência, preenchimento de ficha cadastral e pagamento do DAM, fornecido pela Prefeitura no ato da inscrição.