• PUBLICAÇÃO

É TDAH OU SÍNDROME DO RESPIRADOR ORAL?


A dificuldade escolar já não é apenas uma questão educacional, mas multidisciplinar. É de suma importância o envolvimento de psicopedagogas, médicos, psicólogos, fonoaudiólogos, dentistas e outros profissionais da área da saúde para descobrir a real causa dessa dificuldade. Dessa maneira, tal alteração comportamental não será subestimada como feito a décadas atrás, onde se falava majoritariamente em má educação, desmotivação, negligência ou “preguiça”.


O TDAH -Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade- é um diagnóstico muito comum na fase escolar atualmente. Trata-se de um distúrbio do neurodesenvolvimento na infância, em que há alterações na região frontal do cérebro (Parte responsável pela inibição do comportamento, isso é, controlar ou inibir comportamentos inadequados.) e é caracterizado pela tríade: desatenção, hiperatividade e impulsividade. Esse quadro pode persistir ao longo da vida em mais da metade dos casos, o tratamento deve abordado de maneira multidisciplinar e quando necessário é indicado o uso de medicação controlada.


Alguns sinais e sintomas que observamos em pacientes com TDAH são: desatenção, hiperatividade, impulsividade, transtorno de atenção, ansiedade e baixa auto-estima.


Outra situação muito frequente em crianças é a SRO -Síndrome do Respirador Oral. Essa, ocorre por uma obstrução nasal (Adenoide, alergias, amígdalas inflamadas...) ou por hábito, em que a criança aprende a respirar de forma errada, mais especificamente pela boca ao invés do nariz. Tal troca, acarreta inúmeras e importantes mudanças, são elas de crescimento ósseo diminuído, alinhamento dentário desorganizado, variação hormonal, nutricional, imunológica, alterações comportamentais graves entre outras.


Logo, é importante ressaltar que é tão normal respirar pela boca quanto comer pelo nariz!


O tratamento para a SRO também é multidisciplinar, normalmente envolve médicos, dentistas e fonoaudiólogos, a fim de que a criança restabeleça a respiração nasal (correta), para isso são necessários aparelhos e exercícios miofuncionais.


Alguns sinais e sintomas que observamos no paciente com Síndrome do Respirador Oral são: desatenção, agitação, irritabilidade, transtorno de atenção, ansiedade e baixa auto-estima.


Estudos mostram a presença da SRO em muitos casos de TDAH e quando essas crianças restabelecem a respiração nasal os sinais e sintomas do TDAH melhoram consideravelmente, algumas conseguem até mesmo ficar sem a medicação controlada. Observa-se contudo que, as características entre as duas alterações são bem semelhantes, por isso o cuidado dos profissionais para alcançar um diagnóstico preciso é primordial, haja vista um tratamento adequado que consequentemente proporcionará qualidade de vida ao paciente.


Por Drª Adriana Victor

Jornal Classe A LTDA ME
Av. Tancredo Neves, 1016 - Aroldo da Cruz 
    CEP: 47850-000 / Luís Eduardo Magalhães-BA
 jornalclassea@yahoo.com.br
77 3639-0108 

© 2016 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com